Informação útil para colaboradores da UCP

Perguntas & Respostas

Sim. De acordo com o artigo 4.º da Resolução de Conselho de Ministros nº 40-A/2020 de 29 de maio, podem requerer manter-se em teletrabalho os grupos de risco, pessoas com grau de incapacidade igual ou superior a 60% e colaboradores com filhos menores de 12 anos, desde que reunidas as condições indicadas na legislação acima mencionada.

Qualquer dúvida sobre a pertença a grupos de risco pode ser esclarecida junto da DRH, nomeadamente através de aconselhamento da Medicina no Trabalho.

Sim, é obrigatório o uso de máscaras de acordo com as instruções da DGS, protegendo completamente o nariz e a boca.

Serão disponibilizadas máscaras pela UCP aos membros da Comunidade Académica. Será entregue uma máscara à entrada dos edifícios da Universidade, a quem se apresentar sem máscara.

Lisboa - Sede:

Todos os edifícios se encontram em funcionamento, só se encontrando aberta uma porta de cada edifício, (piso 0 no edifício 4 e porta principal nos restantes edifícios) vigiada por um segurança.

O Balcão Multifunções, no piso 1 do edifício 4, continuará em funcionamento, podendo ser utilizado para entrega e levantamento de documentos e objetos, contribuindo assim para minimizar a circulação de pessoas nos edifícios da UCP. O atendimento presencial mantém-se sob marcação prévia de modo a evitar a aglomeração de pessoas no mesmo espaço.

Apenas será concedido o acesso aos colaboradores escalados, a docentes que tenham solicitado o acesso à Direção de Serviços Gerais com 24 horas de antecedência, a estudantes que tenham exames, aulas ou atendimento presencial agendado previamente e para acesso à papelaria e livraria.

No caso de algum serviço agendar atendimentos presenciais, deve informar o balcão multifunções, através do e-mail: balcao_multifuncoes@lisboa.ucp.pt, com antecedência mínima de 24 horas. As unidades académicas devem entrar em contacto com este balcão multifunções para reserva de sala para atendimento presencial de estudantes.


Centro Regional do Porto

Será permitida a presença dentro do campus a todos os colaboradores, docentes, investigadores e estudantes autorizados para o efeito. Não será permitido o acesso a estudantes para estudo no campus, apenas poderão ter acesso para atendimento presencial sob marcação prévia, avaliações finais e aulas presenciais.

A Direção de Infraestruturas através dos e-mails logistica@porto.ucp.pt e infra.estruturas@porto.ucp.pt deve ser informada, pelos secretariados das Unidades Académicas e de Serviços com validação/CC dos diretores respetivos, sobre quem vai estar nas instalações, onde e em que horário. Deve ser enviada a informação de planeamento a médio prazo, pelo menos com uma semana de antecedência, mas pode ser mais alargada e mantém-se a possibilidade de envio de informação com prazo mais curto, 24h, para acessos esporádicos.


Centro Regional de Braga

Apenas a porta principal do edifício do Campus Camões estará aberta. Os restantes espaços (portas exteriores das Faculdades, parque de estacionamento e serviços de bar) estarão sempre fechados, sendo abertos unicamente para pessoas autorizadas.

A saber:

  • Funcionários escalonados para assegurar serviço presencial;
  • Outros interessados (alunos, docentes, etc.).

Sempre com prévia autorização e marcação de horário com algum dos Serviços. Nestes casos, o Serviço que faz a marcação deverá: fazê-lo unicamente caso não exista possibilidade de assegurar o atendimento à distância, informar a Receção do nome completo da pessoa em causa, o horário da marcação e o modo como a pessoa irá aceder às Instalações (de carro ou a pé).


Centro Regional de Viseu

Todos os edifícios se encontram em pleno funcionamento. 

A Direção de Recursos Humanos (DRH) recomenda a adoção das seguintes medidas :

  • Controle a temperatura corporal todos os dias antes de sair de casa e vigie o aparecimento de sintomas. Caso apresente algum dos sintomas associados à infeção por COVID-19, deve permanecer em casa e ligar 808 24 24 24 (SNS24), informando sobre a sua condição de saúde, seguindo as orientações que vierem a ser indicadas, paralelamente, deve avisar a DRH através do número (+351) 21 721 41 66.
  • Cumpra o distanciamento social (2 metros) e utilize sempre uma máscara;
  • Mantenha a higiene frequente das mãos; utilize uma solução antisséptica à base de álcool sempre que necessário;
  • Não partilhe instrumentos e equipamentos de trabalho sem os higienizar previamente;
  • Cumpra as regras de etiqueta respiratória;
  • Minimize a utilização/circulação de papéis, privilegiando os meios digitais, sempre que possível (ex.: correio interno);
  • Para registar a sua entrada e saída, quando em trabalho presencial, deve utilizar sempre o registo no Portal do GIP no seu computador em vez do registo biométrico nos equipamentos presentes na sede;
  • No final do dia de trabalho, deixe o seu posto de trabalho limpo e arrumado, para facilitar a higienização do mesmo.

Os espaços de trabalho deverão ter uma ocupação igual ou inferior a 1/3 do habitual e a distância entre postos de trabalho não pode ser inferior a 2 metros. Devem ser respeitados os escalonamentos definidos para as diversas equipas, por forma a reduzir o número de utilizadores em cada espaço.

É importante que os locais de trabalho interiores sejam ventilados, preferencialmente através do reforço da ventilação natural, através do arejamento dos locais de trabalho, que deve ser assegurado, sempre que possível, pelo menos duas vezes por dia (por exemplo, à hora de almoço e ao fim do dia).

Foram colocadas divisórias acrílicas nos locais com atendimento ao público. 

A realização de reuniões deve continuar a ser feita através de meios digitais, tanto com elementos externos como com colaboradores e docentes presentes na Universidade.

Caso não seja possível, estas só poderão ser realizadas no cumprimento das regras de segurança, mantendo o distanciamento de 2 metros e utilizando sempre máscara.