História

1967

Pelo Decreto Lusitanorum Nobilissima Gens, a Congregação Romana da Educação Católica dá início à Universidade Católica Portuguesa.

A primeira Faculdade é a Faculdade de Filosofia de Braga já em funcionamento naquela cidade desde 1947. No ano seguinte abre, em Lisboa, a Faculdade de Teologia.

 

1968

É criada a Faculdade de Teologia em Lisboa.

Provêem-se os titulares dos principais cargos académicos, sendo designado Vice-Reitor, em exercício de Reitor, o Prof. Doutor José Bacelar e Oliveira, SJ.

 

1971

O Estado Português reconhece a personalidade jurídica da UCP, que considera como “pessoa coletiva de utilidade pública”, e determina também que os títulos, graus e diplomas por ela conferidos gozem do mesmo valor e dos mesmos efeitos que os das restantes Universidades portuguesas. (Decreto-Lei nº 307/71). O Decreto Humanam Eruditionem  institui canonicamente a Universidade Católica Portuguesa.

O Magno Chanceler é o Cardeal Patriarca, D. António Ribeiro.

 

1972

Criação da Faculdade de Ciências Humanas, em Lisboa, no campus de Palma de Cima, onde se situa a sede da Universidade.

O Prof. Doutor José Bacelar e Oliveira é nomeado Reitor.

 

1973

Criação do primeiro curso de Gestão do país, a licenciatura em Ciências Empresariais, mais tarde denominada Administração e Gestão de Empresas.

 

1978

A Universidade Católica Portuguesa institui-se na cidade do Porto.

Criação do Ano Propedêutico do Curso de Direito. Surge o primeiro Curso de Direito na cidade do Porto - Faculdade de Direito.

 

1980

A Universidade Católica Portuguesa institui-se na cidade de Viseu.

 

1982

Sua Santidade o Papa João Paulo II visita o campus Palma de Cima em Lisboa e benze a primeira pedra da Biblioteca Universitária. 

Criação da Escola Superior de Biotecnologia, no Porto.

 

1983

Criação do Núcleo Regional do Porto, que a partir de 1994 passou a ser chamado de Centro Regional.

 

1984

Criação do primeiro curso de extensão no Funchal.

 

1985

Criação do Instituto Universitário de Desenvolvimento e Promoção Social, em Viseu.

 

1984

Criação da Escola Superior de Biotecnologia da UCP, no Porto, pioneira em Portugal.

 

1987

É inaugurada, em Lisboa, a Biblioteca Universitária João Paulo II. Os centros de Braga, Porto e Viseu serão igualmente dotados de bibliotecas. 

 

1988

É nomeado como Reitor o Prof. Doutor José da Cruz Policarpo, Bispo Auxiliar de Lisboa.

 

1989

Direito e Economia e Gestão e Administração de Empresas, antes incluídos na Faculdade de Ciências Humanas, tornam-se unidades académicas próprias. Nascem a Faculdade de Direito e a Faculdade de Ciências Económicas e Empresariais (mais tarde designada Católica Lisbon School of Business & Economics).

Lançamento da Licenciatura em Teologia, na Faculdade de Teologia, no Porto.

 

1990

Enquadramento jurídico da UCP no novo sistema de ensino superior (Decreto-Lei nº 128/90, de 17 de abril)

 

1991

Criação da Escola de Pós-Graduação na Faculdade de Ciências Económicas e Empresariais, sendo uma das primeiras universidades a oferecer MBAs e formação executiva. 

 

1992

Sua Santidade o Papa João Paulo II visita o campus Palma de Cima em Lisboa e benze a primeira pedra da Biblioteca Universitária. 

 

1993

Promulgação de novos Estatutos que integram novas disposições da Santa Sé sobre as universidades católicas e as faculdades de Teologia contidas nas constituições apostólicas Ex Corde Ecclesiae e Sapientia Christiana. Consagram também a existência de Centros Regionais e a respectiva forma de organização e administração.

É instituído o Centro Regional das Beiras. Mais tarde passa a designar-se Centro Regional de Viseu.

 

1994

É instituído o Centro Regional do Porto, com os seus pólos da Foz e da Asprela.

 

1996

Criação da Escola das Artes da UCP, no Porto.

Criação do Instituto Inter-Universitário de Macau (atualmente Universidade de São José).

O Prémio Nobel é atribuído a um antigo aluno da UCP, D. Ximenes Belo, pelo seu trabalho a favor de uma solução pacífica para o conflito em Timor-Leste.

É nomeado o terceiro reitor: Prof. Doutor Manuel Isidro Araújo Alves.

 

1997

Criação do Instituto de Estudos Europeus e do Instituto de Estudos Políticos, em Lisboa.

Criação do Instituto de Educação (atualmente Faculdade de Educação e Psicologia), no Porto.

 

1998

O Magno Chanceler é o Cardeal Patriarca de Lisboa, D. José da Cruz Policarpo.

 

1999

É instituído o Centro Regional de Braga.

 

2000

É nomeado um novo reitor: Prof. Doutor Manuel Braga da Cruz.

 

2001

Criação da UCEditora, a editora da Universidade Católica Portuguesa.

Criação da Faculdade de Ciências Sociais, em Braga.

Criação da Faculdade de Economia e Gestão (mais tarde designada Católica Porto Business School), no Porto.

Lançamento dos cursos de Medicina Dentária e Arquitetura em Viseu.

 

2002

Criação do Instituto de Estudos Orientais e do Instituto de Estudos da Família, em Lisboa.

Criação do Instituto de Bioética, no Porto.

Lançamento da Escola de Gestão Empresarial (EGE Atlantic Business School), no Porto, em parceria com importantes associações de negócios e outras universidades.

 

2003

Criação do Instituto de Formação e Ensino à Distância.

 

2004

Criação do Instituto de Ciências da Saúde com sede em Lisboa e núcleos no Porto e em Viseu.

 

2005

Criação do Instituto de Direito Canónico, em Lisboa.

Criação do Instituto de Ciência da Saúde, em Lisboa.

Reestruturação da Faculdade de Direito: Escola de Direito de Lisboa e Escola de Direito do Porto.

 

2006

Criação da Escola Superior Politécnica de Saúde da UCP, que integrou a Escola Superior de Enfermagem da Imaculada Conceição, no Porto, e a Escola Superior de Enfermagem de São Vicente de Paulo, em Lisboa.

2008

A Católica Lisbon School of Business & Economics torna-se na primeira faculdade de gestão em Portugal acreditada pela Triple Crown.

 

2009

Criação da Católica Global School of Law, como parte da Faculdade de Direito, em Lisboa.

Lançamento do Programa Universitário para maiores de 55 anos "Católica 4ª ciclo", no Porto. 

 

2012

É nomeada uma nova reitora: Prof. Doutora Maria da Glória Garcia.

 

2013

O Magno Chanceler é o Cardeal Patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente.

 

2015

Conselho Superior da Universidade Católica Portuguesa aprovou a alteração da designação das seguintes Unidades: "Centro Regional das Beiras" para "Centro Regional de Viseu" e "Escola Superior Politécnica de Saúde" para "Escola de Enfermagem".

 

2016

É nomeada uma nova reitora: Prof. Doutora Isabel Capeloa Gil.

 

2017

Celebração dos 50 anos da Universidade Católica Portuguesa. 

Visitar o site comemorativo.